Ciclo de vida de um ativo: o que é e como fazer a gestão corretamente?

Saber como funciona o ciclo de vida de um ativo é fundamental para qualquer empresa que deseja se expandir no mercado em que atua. Afinal de contas, os ativos, sejam eles tangíveis, sejam eles intangíveis, nada mais são do que bens materiais que compõem o patrimônio do negócio. Nesse caso, estão incluídos as máquinas, os equipamentos, os veículos, as marcas patenteadas, as licenças e assim por diante.

Logo, fica claro que gerenciar o ciclo de vida desses ativos é essencial para garantir a saúde financeira da empresa, pois uma gestão eficiente evita gastos e impede que você faça investimentos frustrantes. Além do mais, ajuda a aumentar a durabilidade dos bens tangíveis.

Tendo em vista a importância desse assunto para a empresa, preparamos este artigo para explicar para você como fazer a gestão correta do ciclo de vida de um ativo, quais erros devem ser evitados, quais são as melhores práticas, entre outros pontos relevantes. Continue a leitura!

Qual a importância da gestão correta do ciclo de vida de um ativo?

Todo gestor sabe que a qualidade e a eficiência de uma gestão são os fatores que determinam o sucesso ou o fracasso da empresa. Entendendo que os ativos fazem parte do patrimônio de um negócio, é fundamental que o gerenciamento desses recursos seja feito com excelência para evitar perdas significativas.

Para garantir que esse processo seja bem-sucedido, é necessário fazer uso de um software para registrar o desempenho de um ativo ao longo de sua vida útil. Conforme os registros são analisados, é possível ter uma ideia clara dos resultados, ou seja, se eles correspondem com o esperado.

Quando feita de maneira correta, a gestão do ciclo de vida de um ativo proporciona as seguintes vantagens:

  • aumenta a confiabilidade da produção;
  • proporciona mais tempo de vida útil para as máquinas e os equipamentos;
  • eleva o índice de produtividade;
  • oferece mais economia;
  • garante maior rentabilidade.

Como essa gestão deve ser feita?

A gestão do ciclo de vida dos ativos, principalmente dos tangíveis, precisa ser feita em etapas para garantir maior eficiência e mais durabilidade. Nesse caso, o processo de gerenciamento pode ser dividido em:

  • identificação da necessidade — nessa etapa, são coletadas informações importantes para a elaboração de um planejamento, como a opinião dos operadores, o retorno do investimento, as análises das soluções e assim por diante;
  • criação de um planejamento;
  • definição de um projeto ou design;
  • aquisição e instalação das máquinas;
  • criação de um cronograma de manutenção;
  • reforma;
  • descarte.

Quais as melhores práticas?

Para garantir o sucesso de uma gestão do ciclo de vida de um ativo, além de respeitar as etapas necessárias, é preciso que você adote práticas que vão gerar retorno. Podemos citar como exemplos:

  • a atualização constante do inventário;
  • o acompanhamento dos ciclos de vida dos ativos;
  • a automatização do monitoramento;
  • a integração das informações;
  • a capacitação dos profissionais envolvidos.

Diante dessas ações que precisam ser colocadas em prática, dá para se ter uma ideia de quais erros você precisa evitar, não é mesmo? Nesse caso, devemos enfatizar que a falta de um sistema de software para auxiliá-lo no monitoramento e no gerenciamento do ciclo de vida dos ativos é um dos deslizes mais graves, pois é por meio dele que as demais falhas surgem.

Portanto, se você deseja gerenciar melhor o ciclo de vida de um ativo, além de seguir todas as orientações apresentadas neste artigo, é preciso investir em ferramentas específicas para esse tipo de gestão. Nesse caso, é possível utilizar um MDM ― uma solução desenvolvida para proteger e gerenciar todos os dispositivos móveis que são utilizados para executar alguma tarefa na sua empresa.

Gostou do artigo e quer saber mais sobre a solução MDM? Então, entre em contato conosco agora mesmo!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.