58% das empresas prevêem que trabalhadores remotos podem expor seus dados ao risco de violação

Muitos dos trabalhadores remotos já colocaram conscientemente dados corporativos em risco de violação no último ano, de acordo com uma pesquisa anual realizada pela Apricorn. Saiba como contornar essa situação

O trabalho híbrido trouxe muitas facilidades para as empresas, mas se há um ponto negativo a considerarmos durante o cenário em que estamos vivendo é que preocupações com a segurança de dados aumentam cada vez mais.

Com as empresas obrigadas a fechar suas instalações físicas e mudar para modelos de trabalho digital / remoto, ficou claro que não é uma questão de semas uma questão de quando: usuários finais agora são muito mais suscetíveis a ataques cibernéticos em dispositivos móveis do que eram há 5 anos.

Além dos ataques, falamos de exposição dos dados da empresa pelos próprios colaboradores. 58% dos gerentes de TI acreditam que os trabalhadores remotos exporão sua organização ao risco de uma violação de dados.

Isso é preocupante, dado que mais de 1 em cada 10 tomadores de decisão de TI entrevistados também observaram que eles não têm controle sobre para onde os dados da empresa vão ou para onde eles são armazenados (15%) e a tecnologia utilizada não suporta trabalho móvel/remoto seguro (12%).

Além disso, 26% das organizações observaram que seus trabalhadores remotos não se preocupam com a segurança. Embora esse número tenha caído de 34% no ano passado, phishing (37%), negligência de funcionários (27%), trabalhadores remotos (15%) e terceiros (13%) ainda são grandes caminhos para ataques e causas acionáveis para uma violação.

Mas qual será a solução? Estes ataques podem diminuir? As pessoas que trabalham na empresa conseguiriam separar informações pessoais e profissionais ou se consientizarem? Tudo isso fica muito mais fácil quando se tem uma boa plataforma de MDM associada como Urmobo: 

DADOS PESSOAIS X DADOS PROFISSIONAIS

Sabemos que a vida acabou se mesclando por estes tempos. Assuntos profissionais e pessoais agora são tratados indistintamente. E apesar da maioria dos trabalhadores remotos estarem dispostos a cumprir as medidas de segurança de suas empresas, muitas vezes eles não têm as habilidades ou a tecnologia necessárias para manter os dados seguros.

Isso aumentou de 54% por cento em 2019 a 63% em 2020, novamente destacando que, por conta de muitas organizações terem sido forçadas a apoiar o trabalho remoto, elas podem ter sido levadas a fazer correções rápidas, com ferramentas, processos e políticas temporárias subjacentes.

PERFIL PESSOAL X PERFIL PROFISSIONAL

Como algumas empresas não conseguiram oferecer à todos devices corporativos, principalmente no início da crise, muitas pessoas usaram seus próprios dispositivos pessoais, como telefones e tablets, para fins de trabalho. É aí que entra o sistema que chamamos de BYOD.

Com os dispositivos móveis sendo utilizados tanto para nossas vidas profissionais e pessoais, agora, eles podem facilmente mudar entre perfil de trabalho e pessoal. O perfil de trabalho torna essa separação dos dados pessoais e de trabalho visíveis e utilizáveis ​​para os funcionários, ao mesmo tempo em que permite alternar entre os perfis. Assim, pode-se ver as guias separadas para trabalho e pessoal ao compartilhar arquivos, abrir conteúdo ou acessar o menu de configurações.

Pois é! Um bom MDM como a Urmobo separa em perfis seus dados profissionais dos pessoais para que você possa usar seu dispositivo favorito para trabalhar e se divertir. O MDM ajuda a preservar a otimização das equipes, enquanto permite o gerenciamento de TI e possui inúmeras funcionalidades para sua empresa. Além disso, faz as: 

  • Proteções de gerenciamento de ativos, mesmo se os dispositivos forem perdidos ou roubados;
  • Políticas de uso pessoal, como restringir quais aplicativos os funcionários podem usar, para manter o uso do dispositivo em conformidade com a política corporativa;
  • Gerenciamento de hardware, para restringir ou impedir a configuração de recursos como Bluetooth, câmeras e armazenamento removível;
  • Vários outros benefícios e funcionalidades;

SEGURANÇA E CONFORMIDADE

Por falar em políticas e conformidade, ela foi a 3ª maior preocupação, com 32% das organizações destacando que o trabalho móvel/remoto dificulta o cumprimento do LGPD e outras leis como GDPR, em comparação com apenas 16% em 2020.

Dito isso, quando perguntados pela pesquisa se a organização tinha uma estratégia/política de segurança da informação que cubra o uso de seus próprios equipamentos de TI pelos funcionários para trabalho móvel/remoto, 88% confirmaram que têm uma estratégia em vigor. Desses, 30% só permitem dispositivos provisionados de TI corporativos, dos quais 22% têm medidas de segurança em vigor para impor isso com o controle de terminais.

Pensando neste cenário todo, o melhor a se considerar neste caso, é o modelo de confiança Zero Trust (Zero Trust), essencial quando falamos em segurança. Garantir que a equipe esteja mais consciente da segurança e dos comportamentos básicos da segurança cibernética e suas conformidades também é extremamente importante neste novo ambiente híbrido. 

O modelo Zero Trust é a estrutura que fortalece a empresa ao remover a confiança implícita e impor autenticação estrita de usuário e dispositivo em toda a rede. Assim, a Urmobo consegue fornecer uma plataforma empresarial de ponta a ponta que pode ajudar a fechar a lacuna dos ataques e mudanças comportamentais dos usuários que cada empresa enfrenta hoje.

Tem dúvidas? Quer saber como a Urmobo pode te ajudar com a instalação de um MDM e melhorar a segurança na sua empresa? Fale conosco agora mesmo!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

2 Comentários

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.